Melhor Tablet Infantil

A tecnologia já faz parte das nossas vidas e as crianças não têm como ficar fora dessa realidade. O isolamento social mostrou como o mundo virtual é importante. Mas qual a melhor opção para eles?

Neste artigo você vai conhecer os 5 melhores aparelhos de tablet infantil e como estabelecer limites para a utilização.

Os Melhores Tablets Infantis


SAMSUNG – Galaxy Tab T290

51gUgOigTgL. AC SL1000

O Galaxy Tab T290 a 8″ Wi-Fi, SAMSUNG, é uma ótima opção para quem está procurando um tablet infantil. Além de ter uma tela de 8 polegadas, está opção vem com câmera traseira e também frontal.

Tem Memória de 32 GB, que é expansível, perfeita para armazenar todos aplicativos que as crianças mais gostam. Inclusive os utilizados para as aulas online, e até jogos mais pesados, sendo ideal também para os adolescentes;

A memória RAM de 2GB também garante que os jogos rodem sem travar. Roda com sistema operacional android.

Ele é um produto bem leve e fino, por isso as crianças conseguem segurar com facilidade. Este tablet infantil Samsung já vem com uma tela inicial para as crianças, onde os pais podem configurar um ambiente seguro de acesso. Outra funcionalidade já instalada é o controle parental que permite um monitoramento constante do uso pelos pequenos.

E para deixar com a cara das crianças, basta comprar uma capa bem colorida ou com o personagem favorito delas. Assim você terá um tablet infantil Samsung personalizado!

Prós

  • Memória de 32 GB
  • Tela inicial para crianças e função de controle parental
  • A tela de 8 polegadas é maior que outras opções de tablet infantil.

Contras  

  • Só funciona com o wifi, não tem entrada para chip;
  • Preço elevado

Multilaser – Disney Princesas Plus

51zP6AwaRvL. AC SL1000

O Tablet infantil Princesas é outra opção da linha Multilaser de personagens, desenvolvida especialmente para os pequenos. Com processador Quad Core, armazenamento interno de 16 GB e memória RAM de 1 GB, ele possui as especificações para um uso básico.

O diferencial é a capa emborrachada personalizada com a imagem das princesas da Disney. O case vem como uma alça que facilita o transporte, ficando mais firme pra a criança carregar. Esta alça transforma-se em base de apoio para colocar o tablet sobre qualquer superfície, liberando as mãos da criança na hora de assistir a vídeos.

Prós

  • O preço é bem acessível se comparado com versões mais potentes de tablet;
  • O tablet infantil princesas tem uma linda capa personalizada, que se transforma em maleta para transporte.

Contras

  • A tela não tem uma alta definição e a qualidade do som pode deixar a desejar.
  • Pode ficar lento se forem instalados outros aplicativos que não vêm de fábrica.


Multilaser – Tablet M7S Go

41 aVWB+ceL. AC

O Tablet M7S Go, Multilaser, é a opção mais em conta no mercado e pode ser uma ótima alternativa para as crianças. Com tela de 7 polegadas, é compacto e ideal para os pequenos. 

A memória interna de 16GB, expansível até 64GB, e o sistema operacional Android 8.1 são perfeitos para rodar os aplicativos mais simples e assistir ao YouTube. A memória RAM é de 1GB e o processador é um Quad Core.

Este tablet é ideal para as crianças porque tem uma configuração básica, que permite assistir vídeos e rodar jogos mais simples, além de poder ser utilizado para a escola, com a instalação de aplicativos de leitura e ferramentas educativas.

A bateria não dura muito tempo, mas considerando que as crianças não devem ficar mais que 3 horas em frente à tela, é uma boa forma de suspender o uso com a necessidade de colocar para carregar.

Este Tablet da Multilser modelo M7S GO, é perfeito para o dia a dia de nossos pequeninos! Com design moderno e eficiente, conta com o super processador Quad Core, que eles podem jogar, ver vídeos, navegar na internet e o mais importante: ESTUDAR!

Todas essas características ao mesmo tempo e sem travamentos ou lentidão, e tudo isso acompanhado do sistema operacional Android que permite turbinar seu tablet com milhares de aplicativos no Google Play.

Prós 

  • Entrada para colocar cartão SD;
  • Preço é super acessível
  • Melhor relação custo-benefício do mercado.

Contras

  • Não tem opção de chip, só funciona com wifi;
  • A bateria dura em torno de 3 horas apenas.
  • A câmera não tem uma resolução muito alta.

Lenovo – Mediatek Tablet

O Lenovo Mediatek Tablet PC é um produto importado que tem 1GB de RAM e 16 GB de memória interna, e tela de 7 polegadas. Ele tem as mesmas configurações que outras alternativas, no entanto com um preço mais salgado.

O tablet infantil lenovo tem as especificações simples que se adaptam às necessidades dos pequenos. Ele também é pequeno e leve, facilitando o manuseio pela criançada.

Se você escolher uma capa bonita, pode personalizar com as preferências infantis.

Prós

  • É um modelo pequeno e fácil de transportar, não pesando na mochila das crianças.

Contras

  • O tablet infantil lenovo é mais caro que os concorrentes nacionais

Veredito: Qual é o melhor tablet infantil?

Dentre as opções apresentadas, o Samsung Galaxy Tab T290 foi o escolhido como melhor tablet infantil.

Ele tem um tamanho perfeito para ser colocado na mochila sem tirar espaço de outros itens. Também é leve e compacto, sendo fácil para a criançada segurar.

Você pode ainda deixar a criança escolher uma capa do personagem que ela mais gosta.

Assim, seu filho vai ter o tablet infantil do seus sonhos!

Porque compra um um tablet infantil?

Assim como qualquer aparelho tecnológico, o tablet funciona por touchscreen e sua utilização totalmente intuitiva, mesmo para as crianças ainda não alfabetizadas. A diferença está nos conteúdos que são disponibilizados.

Focados nas faixas etárias das crianças, estejam elam na chamada segunda infância ou pré-alfabetização (3 a 6 anos) ou terceira infância (6 a 12 anos), quando já se trabalha a alfabetização entre outros conteúdos pedagógicos mais complexos, como noções matemáticas, ciências, história, geografia, artes entre outros.

Foi desenvolvido para ser uma ferramenta educativa. O tablet infantil é utilizado principalmente para diversão das crianças: como jogos, vídeos, filmes e aprendizagem estão entre os conteúdos mais consumidos.

A diferente de um tablet ou smartphone convencional, o modelo infantil já está totalmente configurado de fábrica para não exibir conteúdo adulto, seja ele relacionado à violência, drogas, sexo, pedofilia entre outros.

O sistema motor dos tablets infantis estão em desenvolvimento para maior proteção, além disso toda criança com sua agitação natural e descoberta do “mundo”, o aparelho precisa estar protegido de quedas frequentes e sujeiras, como comida, tintas, terra e tudo aquilo que faz parte da rotina de qualquer criança.

Por conta desta proteção “extra” o preço dos modelos infantis são mais caros que os convencionais. É possível também comprar um suporte extra que funciona como capa de proteção, disponibilizado em várias cores e também temas de personagens.

Por fim, é importante também enfatizar que o tablet infantil possui um tamanho diferenciado para se adequar nas mãos das crianças, sendo no geral, aqueles com tela de 7 polegadas.

E tablets convencionais podem ser usados por crianças?

Sim, pois é comum pais emprestarem seus aparelhos de uso pessoal para os filhos consumirem jogos e conteúdo infantil. A grande diferença é que não há existe uma personalização adequada dos sistemas de controle de acesso a conteúdo sensível, ou interfaces e programas pré-instalados direcionados ao público infantil.

Infância e tablet combinam ou não?

A utilização de tablet por crianças tem sido um dos assuntos mais controversos nos últimos anos. Com a disseminação de aparelhos entre a população, os pequenos passaram a ter acesso a esta tecnologia com facilidade.

Como explicar para uma criança que ela não pode usar o tablet se nós adultos passamos a maior parte do dia em frente a telas? Sabemos que os pequenos imitam o comportamento dos mais velhos.

Por isso, antes mesmo de completar 1 ano, o bebê já passa o dedo intuitivamente na tela, reproduzindo um movimento que ele enxerga os pais fazendo o tempo todo.

Se a tecnologia está impregnada na nossa rotina, será que faz sentido isolar o público infantil desse processo? O mais lógico é fazer um uso consciente desses dispositivos, ensinar desde cedo que existem regras e uma rotina para utilizar o tablet infantil, assim como qualquer outra atividade realizada pelas crianças.

Vale a pena investir em um tablet infantil?

Hoje em dia, seja na educação ou diversão em uma única ferramenta, aliada ao uso intuitivo do touchscreen são os pontos à favor do tablet infantil.

Depois de meses quase dois anos anos “presos” em casa por conta da pandemia da COVID-19, países do todo mundo perceberam a importância de confiar nas novas tecnologias como um suporte neste período tão difícil e pandêmico.

A “babá” dos anos 80/90 foi a televisão ou o videogame, assim, o tablet infantil veio derrubar este posto. Seja para auxiliar nos estudos ou por puro entretenimento, permitindo que pais conseguissem dar conta do home office e das tarefas domésticas, esta ferramenta veio para ficar. Mas com tantos modelos tradicionais disponíveis no mercado, vale adquirir um exclusivo para os pequenos?

Especialmente nesse momento de pandemia, em que vigora o distanciamento social, é importante fazermos uma reflexão sobre o uso funcional do mundo digital. A recomendação geral é que o tempo em frente às telas (computadores, tablets, TVs e celulares) seja limitado, uma vez que a utilização inadequada da tecnologia pode trazer malefícios para crianças de todas as faixas etárias.

Dr. Marco Antônio Chaves – Sociedade Brasileira de Pediatria

Como o tablet pode ajudar no aprendizado da criança?

Moderação é a palavra chave! Colocar limites de tempo e o uso regrado. Afinal toda criança precisa brincar e se envolver socialmente com outras de sua idade, por mais conveniente que seja para os pais o uso do tablet infantil.

As crianças são naturalmente curiosas e por isso adquirem novas habilidades todos os dias. Ao contrário dos adultos que tiveram que se adaptar às novas tecnologias, nossos filhos já nasceram em um mundo digital, e assim como aprendem a falar, também vão se alfabetizando na linguagem virtual.

O que pediatras falam sobre uso de tablet para crianças

Em 2019 a Organização Mundial de Saúde (OMS) passou a classificar o “vício em videogame” como uma doença a ser tratada por médicos psiquiatras. Outro ponto que repercutiu muito entre pais foi o documentário da Netflix “O Dilema das Redes ”, em que os próprios desenvolvedores de gigantes como InstagramFacebook Pinterest afirmam: -não permitimos que nossos filhos se utilizem das ferramentas tecnológicas que ajudamos a criar! 

De acordo com a Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP), a questão do uso está muito relacionado ao tempo de exposição da criança, associado às outras atividades que ela realiza, principalmente as atividades “não sedentárias” (práticas esportivas, dança, brincadeiras ao ar livre, etc.).

Moderação…

Sendo assim, moderação! Estabeleça limite de tempo e o uso regrado. Afinal toda criança precisa brincar e se envolver socialmente com outras de sua idade, por mais conveniente que seja para os pais o uso do tablet infantil.

As interfaces amigáveis e intuitivas dos aplicativos, especialmente para crianças, permitem uma autonomia no manuseio do equipamento. São vários os jogos educativos, que ensinam letras, números e até outras línguas. As escolas inclusive já utilizam aplicativos de livros online, de operações matemáticas e de atividades de português, entre outros.

melhor tablet infantil

Para as crianças com deficiência, o tablet é imprescindível para a comunicação. Por meio da tecnologia assistiva, quem não consegue falar pode mostrar o que quer, e quem não enxerga, pode ouvir as audiodescrições. São vários programas desenvolvidos conforme o tipo de doença, inovações que melhoram a qualidade de vida dessas crianças.

Assim, este dispositivo é muito mais que um tablet infantil educativo!

Quais são os cuidados no uso do tablet infantil?

A primeira orientação da Sociedade Brasileira de Pediatria é de que menores de 2 anos não sejam expostos a telas. Além disso, a entidade indica limitar o tempo de uso de tablets e celulares, conforme a faixa etária:

  • 1h por dia – crianças entre 2 e 5 anos;
  • 2h por dia – crianças entre 6 e 10 anos;
  • 3h por dia – jovens entre 11 e 18 anos;

Os especialistas em desenvolvimento infantil ainda apontam outras recomendações para que o uso da tecnologia seja saudável. São elas:

  • Não fazer uso de telas durantes as refeições;
  • Desligar os eletrônicos 2h antes de dormir;
  • Incentivar que a criança faça outras atividades que envolvam exercício físico ao ar livre;
  • Estabelecer, em conjunto com a criança, as regras para utilização do tablet infantil;
  • Conversar sobre comportamentos inadequados nas redes para que a criança possa identificar atitudes suspeitas;
  • Criar senhas e filtros por idade nos aplicativos que têm essa possibilidade;
  • Definir momentos de convivência familiar, desconectados de qualquer equipamento digital.

E o alerta mais importante: NUNCA deixe uma criança no tablet sem supervisão de um adulto!

Como o uso inadequado de equipamentos digitais pode prejudicar a saúde das crianças?

Para ajudar pais e profissionais que trabalham com a infância, a Sociedade Brasileira de Pediatria lançou um Manual de Orientação de Saúde na Era Digital. No documento, são apresentados os distúrbios e doenças que podem ser causados pelo uso excessivo de tecnologia, entre eles:

  • Dependência digital;
  • Irritabilidade, ansiedade e depressão;
  • Transtornos do déficit de atenção e hiperatividade (TDAH);
  • Transtorno do sono;
  • Sobrepeso e obesidade;
  • Sedentarismo.

4 dicas para escolher um tablet para criança

Bem, agora que já sabem que o tablet pode ser um grande aliado às nossas criança, chegamos à um momento bem difícil: o que pesquisar ao fazer a sua compra?

Confira as nossas dicas!

Não procure apenas pelo melhor preço

Quem não quer um aparelho mais em conta? pois bem, quando se fala de tablets, é preciso ter cautela! Assim como um smartphone ou um notebook, quando compramos um tablet esperamos que ele funcione bem e por bastante tempo, certo? Então, não compre só pelo preço, encontre a opção com melhor custo-benefício para o seu bolso! e sempre lembrando de nossas crianças, pois requer o dobro de cuidado.

Fique atento sempre ao tamanho da tela

Já que aqui estamos tratando de tablet para criança, o tamanho deve ser bem analisado. Como uma criança não usa o tablet para fazer reuniões, vídeo-chamadas, abrir documentos etc, indicamos uma tela menos. O aparelho vai ser mais leve e mais confortável para que ela consiga usar sem problemas e de maneira confortável.

Não invista mais do que pode!

Bem, já que estamos te dando dicas importantes para a utilização de tablet para criança, não se esqueça que você vai comprar um aparelho tecnológico para uma criança! Mesmo que ela seja cuidadosa, acidentes acontecem… Então não vale a pena fazer um esforço financeiro enorme, pois pode comprometer o planejamento de suas finanças.

Dica: uma boa capinha protetora é indispensável.

Procure avaliações na internet

Nada é melhor do que a opinião de quem já usou um produto. E a boa notícia é que a internet está cheia dessas avaliações sobre todos os tipos de item, inclusive os tablets!

Antes da decisão final, atente ou anote os comentários mais relevantes e, importante: pergunte sempre, quantas vezes forem necessárias ao vendedor antes de fechar a compra e se as informações do produto são verdadeiras ou não! O vendedor está disponível para isso também!

O tablet para criança, como em vários Países já se foi comprovado e se utilizam em sala de aula já há alguns anos, não esqueça que os responsáveis devem tomar cuidado com o uso do aparelho. Dos conteúdos e jogos que a criança usa até mesmo a quantidade de horas conectadas. É de sua importância que a criança tenha tempo pra tudo.

  • Estudar
  • Brincar
  • Desenhar em papel com lápis de cor
  • Pintar

e outras atividades,que estimuladas, elas adoram!

Qual o melhor tablet infantil?

Para escolher o melhor tablet infantil para o seu filho é preciso levar em conta a faixa etária. Crianças mais novas utilizam aplicativos que não exigem tanto espaço. Quanto mais ela cresce, também muda a necessidade por um equipamento mais potente.

Um tablet infantil pode ser qualquer aparelho utilizado pelos adultos. Mas algumas marcas apresentam opções com personagens, que ficam mais atrativas para as crianças e já vêm com aplicativos indicados para os pequenos. Geralmente esses dispositivos não têm muita memória, mas são mais baratos que os tablets tradicionais.

Você também pode optar por comprar um modelo com uma configuração melhor e comprar uma capa bem legal, que dão um tom divertido para o aparelho. Para ser um tablet infantil educativo, basta instalar apps e jogos sugeridos para a idade!

Analisamos então 5 equipamentos que podem ser utilizados por crianças para definir qual o melhor tablet infantil levando em conta essa seleção:

  • Opinião dos consumidores que adquiriram os produtos;
  • Preço do tablet;
  • Configurações de memória e processamento;
  • Funcionalidades já incluídas.

Gostou do nosso review? Deixe seu comentário!

Deixe um comentário